Ensino superior: metodologias ativas e uso de tecnologias inovadoras aproximam o estudante UNICEPLAC do mercado de trabalho

Ensino superior: metodologias ativas e uso de tecnologias inovadoras aproximam o estudante UNICEPLAC do mercado de trabalho

Editoria: TECNOLOGIA

Centro de Realidade Simulada, mesa digital, óculos 3D e novas plataformas estão entre as ferramentas utilizadas pela instituição para ampliar o processo de ensino-aprendizagem As metodologias ativas de aprendizagem são abordagens educacionais que colocam o aluno no centro do processo de construção do conhecimento. Diferentemente do ensino tradicional, onde o professor é o principal transmissor...

As metodologias ativas de aprendizagem são abordagens educacionais que colocam o aluno no centro do processo de construção do conhecimento. Diferentemente do ensino tradicional, onde o professor é o principal transmissor de informações, nas metodologias ativas, os estudantes participam como protagonistas. Eles são estimulados a resolver problemas, discutir ideias, colaborar com colegas e aplicar conceitos em situações reais.

Entre os benefícios, além de estimular ainda mais o aprendizado, a criatividade e a autonomia a partir da resolução de problemas, colaboração em equipe e do pensamento crítico, os estudantes desenvolvem habilidades cognitivas que fazem diferença na vida e no trabalho, tornando-se profissionais ainda mais qualificados em um mundo de constante mudanças.

No Centro Universitário do Planalto Central Apparecido dos Santos (UNICEPLAC), métodos como sala de aula invertida, aprendizagem cooperativa e o uso de novas tecnologias fazem parte do currículo de todos os cursos da instituição. “O UNICEPLAC se destaca com a implementação de metodologias ativas, alinhadas com atualização constante dos currículos acadêmicos dos cursos. Também oferece parcerias com cenários de estágio inovadores, espaços e recursos de inovação que estimulam a criatividade, criando ambientes propícios para o desenvolvimentos dos projetos e suas soluções, como óculos de realidade virtual e ambientes digitais”, destaca o professor Maycol Coutinho, pró-reitor acadêmico do UNICEPLAC.

No curso de Medicina da instituição, o estudante tem a oportunidade de praticar o conhecimento em um dos maiores centros de simulação médica do país e no maior acervo anatômico da região. A instituição oferece mais de 35 ambulatórios, dentro da faculdade, para atendimento à população, onde a cada ano, mais de 4 mil pessoas da comunidade são atendidas, gratuitamente, em diversas áreas de especialidades médicas. “Somos um centro universitário com tradição e excelência, com alto amparo tecnológico e criativo, para que o nosso aluno se mantenha atualizado com as mais modernas práticas que acontecem em todo o mundo. E quando unimos tudo isso em prol da comunidade, faz toda a diferença. O aluno que colocamos no mercado de trabalho tem, de fato, uma formação integral, capaz de lidar com as novas tecnologias e um conhecimento de mundo capaz de transformar a sociedade”, afirma o professor Dr. Marco Antônio Alves Cunha, coordenador do curso de Medicina do UNICEPLAC.

O Centro de Realidade Simulada e Educação e Saúde do UNICEPLAC utiliza técnicas e ferramentas avançadas que proporcionam experiências de aprendizagem imersivas e realistas para os estudantes. A abordagem busca replicar, da forma mais fiel possível, situações reais de atendimento médico e procedimentos clínicos. “Esse método pedagógico utiliza manequins de alta fidelidade, ambientes controlados, realidade virtual e aumentada, entre outros recursos tecnológicos, para simular cenários clínicos complexos. Nele, os estudantes podem praticar habilidades técnicas, tomar decisões em tempo real e desenvolver competências comunicativas e interpessoais em um ambiente seguro e controlado”, explica Victor de Paula, coordenador pedagógico do curso de Medicina.

De acordo com o professor, a simulação médica permite a exposição dos estudantes a uma gama de condições clínicas e emergências que seriam difíceis de serem aplicadas em um contexto real com pacientes. Além disso, oferece a oportunidade de aprendizado baseado na prática reflexiva, onde os estudantes podem discutir, receber feedback imediato e aprender com os erros, sem consequências adversas para a saúde dos pacientes. “Essa abordagem é reconhecida por melhorar a autoconfiança dos estudantes, aprofundar seu conhecimento teórico-prático e prepará-los de maneira mais eficaz para os desafios da prática médica. A simulação é considerada uma estratégia educacional chave para atendermos às demandas de uma formação médica contemporânea e responder as expectativas de uma assistência à saúde de qualidade e segurança ao paciente”, completa o professor Victor.

O curso de Medicina Veterinária também tem a inovação como caminho de aprendizagem. Entre as metodologias, os estudantes utilizam o Centro de Realidade Simulada para atender grandes e pequenos animais. “O objetivo é desenvolver, no estudante, competências gerais e específicas indispensáveis ao exercício da profissão de médico veterinário. Os simuladores ampliam a frequência de treino dos nossos alunos em diversos procedimentos, possibilitando a aquisição de habilidades indispensáveis ao exercícios da futura profissão”, explica Daniella Ribeiro Guimarães Mendes, coordenadora do curso de Medicina Veterinária do UNICEPLAC.

Inovação também no curso de Odontologia. Entre as metodologias de aprendizagem, o estudante tem a oportunidade de praticar a teoria aprendida em sala de aula no maior acervo anatômico da região. Além disso, a instituição oferece mesa digital, óculos 3D e a plataforma Algetec, que permite ao aluno continuar os seus estudos em casa. Destaque também para o currículo inovador. Na disciplina Odontologia Digital, por exemplo, o estudante aprende a manusear as novas tecnologias disponíveis no atual mercado de trabalho, como scanner intraoral, impressora 3D e fresadora, que automatiza o processo de confecção de próteses. “Todas essas ferramentas já fazem parte do cotidiano clínico que o aluno vai encontrar no mercado de trabalho. Dessa maneira, nossa proposta é demonstrar qual a função de cada equipamento, como são executados na prática e os diversos softwares envolvidos. Ou seja, o aluno conclui o curso do UNICEPLAC preparado para usar a tecnologia a seu favor no mercado de trabalho”, conclui a professora Cláudia Lúcia Moreira, coordenadora do curso de Odontologia.